Fanfiction Portugal
Todos os dias vemos o fórum crescer, mais uma pessoa a revelar os seus desejos mais íntimos nas suas frases.
Já sabes, não vais querer sair!
Para ajudares o fórum a continuar a crescer, mete gosto: http://facebook.com/fanfictionpt


Fórum fanfictionpt não é apenas um fórum, é O fórum de fanfics. É especialmente para as pessoas que gostam de escrever ou simplesmente ler. Mas aviso-te, quando te registares... não há volta a dar, não vais querer sair!
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» Visual de Março
Qui 28 Ago - 10:55 por Patrícia B. ❃

» bonjour, ça va?
Qui 28 Ago - 10:52 por Patrícia B. ❃

» Escritor do mês de Abril
Seg 14 Abr - 0:15 por Andarilho

» Oi povo!
Qui 10 Abr - 20:41 por Mariana

» Sugestão para botões
Qui 10 Abr - 20:36 por Mariana

» Fernando Anitelli - Sintaxe à Vontade
Qua 9 Abr - 13:13 por Andarilho

» Momento Musical
Seg 7 Abr - 14:28 por Mariana

» Olá gente!
Seg 7 Abr - 9:39 por Mariana

» Parabéns Lilyh <3
Dom 6 Abr - 23:04 por Principiesa

Histórias em andamento:
Justin Bieber:
One Direction:
Originais:
Crossfics:
A Força d'um Amor (+18) 

Se a tua história não estiver aqui manda uma mp à administração.
Novo nos fóruns?

És novo/a por aqui?
Clica neste link.

Afiliados
 

Para fazeres parceria com o nosso fórum, manda mp à administração.

Compartilhe | 
 

 Bg. - Liberdade

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 

Em que lugar achas que este texto deve ficar?
1º lugar
33%
 33% [ 2 ]
2º lugar
33%
 33% [ 2 ]
3º lugar
33%
 33% [ 2 ]
Total dos votos : 6
 

AutorMensagem
Bubblez
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 44
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 17/07/2011
Idade : 23
Localização : Oz

MensagemAssunto: Bg. - Liberdade    Qua 14 Set - 21:19

Hi!!
Desculpem-me por postar o texto fora da data autorizada, mas tive alguns problemas e só consegui postar hoje.



As correntes tilintam como chaves lançadas ao vento.
Pisco os olhos uma e outra vez e sento-me. Estou cansada, mas, para contrastar, as sombras mantêm-se em movimento entre as paredes brancas que parecem felizes, eufóricas por alguma coisa. Com um olhar distraído, parece que eles festejam o nascimento de uma criança. Mas para quem conhece aquelas sombras, sabe que não festejam, fogem para não se perderem de vez. Correm entre as jaulas em que estão enclausuradas, agarram-se às paredes que não conhecem e não entendem que não possuem forma alguma de sair dali se não abrirem os olhos.
Ainda não tenho coragem de abrir os olhos, contudo, estou cansada, mas com medo de voltar ao mundo real.
Os olhos são a nossa saída para o local aonde pertencemos, são o final e o início da nossa tortura. São o que nos prende à tudo que conhecemos.
Há alguns dias descobri que a nossa mente é uma fuga à escolhas, à obrigação de escolhas. Então refugiei-me aí e desde essa altura que não abro os olhos. Que me impeço de escolher… Porém ao fazê-lo, limitei o que o Homem tanto presa: a minha alforria.
Entendo que julguem a minha decisão, que a considerem fraca, tola, mas há determinadas coisas que temos de fazer para fugir das nossas responsabilidades e decisões erradas. Simplesmente porque podemos escolher.
Este mundo em que me prendi não me agrada, porque não vejo somente a minha mente, não me vejo somente a mim; há mais gente a fugir do mundo real e a esconder-se. Queria dizer que não os entendo, mas mentiria se o fizesse, porque entendo. Sei o que é sentir medo de errar. Ter a pressão sobre os ombros e pensar seriamente sobre a liberdade. É angustiante. Aqui não temos que escolher. Apenas precisamos de sentar e enlouquecer para ter coragem e sair daqui, em resumo, temos de escolher. Essa é a nossa liberdade, a escolha.
Apesar de não gostar do mundo do Homem, sei que tenho de sair do mundo da mente, mas para isso tenho de abrir os olhos, encarar tudo, caminhar e escolher. Não quero isso! Quero perder o direito de escolher, desde que fique com os olhos fechados sem qualquer sofrimento. Contudo, também quero viver, não errar e ter sempre alguma coisa concreta.
Raio de mente… Malditas escolhas…
Sobre mim abre-se um abismo que torna tudo bem mais fácil e bem mais desejável. Caminho na sua direcção, as correntes caem e já não me vejo presa, porque ali, a minha frente, tenho o que pode ser a saída para ambos os mundos. Apenas tenho de saltar para terminar com tudo.
Porém, salto ou não salto? É só um passo, um acto de coragem ou de cobardia. Salto ou não salto? Está nas minhas, é uma escolha pessoal, ninguém me vai atirar o negrume que me amedronta. Salto ou não salto? Vale a pena saltar? Salto ou não salto? É irritante saber que apenas tenho de escolher, mas que tudo me condiciona. Mais uma vez pergunto: Salto ou não salto? Se saltar deixo tudo para trás, se ficar fico presa à minha mente porque não quero escolher mais. Salto ou não salto? Qual é o sentido disto se tenho de escolher? Tenho de optar nos dois mundos e a partir do momento em que me deixei ficar presa na mente fiz uma escolha!
Maldita liberdade! Intitulas-te amiga do Homem? Mãe de todas as opções e certezas? Pois bem, intitulo-te corredor da morte, morte certa!
Salto ou não salto. Se não saltar apenas tenho que abrir os olhos, se saltar… já não os abro. Deixo de fazer escolhas, porque fiz a minha última e, desse modo, termino com os meus erros e incertezas.
Salto ou não salto?
Um sorriso cresce-me no rosto, não entendo de modo algum o porquê.
Salto ou não salto?
Para quê tantas dúvidas e medos. Terminemos com tudo, sempre posso escolher não é assim? Então salto.


Spoiler:
 

Beijos.


Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://my-namelessworld.blogspot.com/
Mariana
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1757
Disposta a ser BetaReader? : Não
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 21/02/2011
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: Bg. - Liberdade    Qui 15 Set - 9:56

eu gostei.
okay tive que ler duas vezes para entender...mesmo assim gostei xD
gostei muito mais da parte final ... adorei mesmo.

parabéns!!!

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://if-was-a-movie.tumblr.com
Patrícia B. ❃
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1223
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 20/07/2011
Idade : 20
Localização : Portugal

MensagemAssunto: Re: Bg. - Liberdade    Qui 15 Set - 18:54

Omg, adorei!!!!!


Adorei a última parte... tocou-me bastante... foi tao rico... tao experiente... tão poetico!!!!

Muitos parabéns!!!

Foi bastante gratificante ler o teu texto... faz-nos pensar e debater um tema com a mente que não é o que se faz no dia-a-dia!!!


P.s. Vai ser muito dificil, mesmo muito, escolher o texto certo para premiar com o primeiro lugar Wink

____________________________________________________________________________________________



Adoramos a perfeição, porque não a podemos ter; repugna-la-íamos, se a tivéssemos. O perfeito é desumano, porque o humano é imperfeito.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
dianaa.
Col. Gráfica
Col. Gráfica
avatar

Mensagens : 187
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 22/07/2011
Idade : 23
Localização : no meio de nada

MensagemAssunto: Re: Bg. - Liberdade    Qui 15 Set - 21:20

Devo dizer que gostei imenso da maneira como abordaste o tema, o texto está lindo (:

Adorei esta parte: "Maldita liberdade! Intitulas-te amiga do Homem? Mãe de todas as opções e certezas? Pois bem, intitulo-te corredor da morte, morte certa!"
Perfeito. É algo tão poético e ao mesmo tempo algo que nos deixa a pensar no que faríamos, na situação da personagem principal!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://idianna.blogs.sapo.pt/
Hanna_Loissa
leitores
leitores
avatar

Mensagens : 31
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 30/07/2011
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: Bg. - Liberdade    Qui 15 Set - 21:35

Chinesa... Tenho de te dizer isto outra vez: Pensas de uma forma única.
Nunca sei o que vais escrever.
Abordaste o tema de um modo que não me havia passado pela cabeça.
Sinceramente, esperava um apelo à liberdade, um grito de euforia, mas não...
Tens de me ensinar a fazer isso - Não... Não ensines...

Beijos, vou ler os outros textos...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Bg. - Liberdade    

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Bg. - Liberdade
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Salamandra/ 37° Capítulo- A liberdade tão desejada de Roberta começa agora!!! Hoje inédito!!!
» Regras do III Torneio Cloth Myth Revolution
» Salamandra/ 33° Capítulo- A Liberdade de Alana, Roberta sofre por perder Agatha... Fortes Emoções!!!
» [Discussão] - Evoluindo o FH
» Liberdade Liberdade

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fanfiction Portugal :: Membros :: concursos-
Ir para: