Fanfiction Portugal
Todos os dias vemos o fórum crescer, mais uma pessoa a revelar os seus desejos mais íntimos nas suas frases.
Já sabes, não vais querer sair!
Para ajudares o fórum a continuar a crescer, mete gosto: http://facebook.com/fanfictionpt


Fórum fanfictionpt não é apenas um fórum, é O fórum de fanfics. É especialmente para as pessoas que gostam de escrever ou simplesmente ler. Mas aviso-te, quando te registares... não há volta a dar, não vais querer sair!
 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Conectar-se
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Últimos assuntos
» Visual de Março
Qui 28 Ago - 10:55 por Patrícia B. ❃

» bonjour, ça va?
Qui 28 Ago - 10:52 por Patrícia B. ❃

» Escritor do mês de Abril
Seg 14 Abr - 0:15 por Andarilho

» Oi povo!
Qui 10 Abr - 20:41 por Mariana

» Sugestão para botões
Qui 10 Abr - 20:36 por Mariana

» Fernando Anitelli - Sintaxe à Vontade
Qua 9 Abr - 13:13 por Andarilho

» Momento Musical
Seg 7 Abr - 14:28 por Mariana

» Olá gente!
Seg 7 Abr - 9:39 por Mariana

» Parabéns Lilyh <3
Dom 6 Abr - 23:04 por Principiesa

Histórias em andamento:
Justin Bieber:
One Direction:
Originais:
Crossfics:
A Força d'um Amor (+18) 

Se a tua história não estiver aqui manda uma mp à administração.
Novo nos fóruns?

És novo/a por aqui?
Clica neste link.

Afiliados
 

Para fazeres parceria com o nosso fórum, manda mp à administração.

Compartilhe | 
 

 If we could only turn back time

Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 13:45

If we could only turn back time





If we could only turn back time
You know I'll be
Your life, your voice your reason to be
My love, my heart
Is breathing for this
Moment in time
I'll find the words to say
Before you leave me today

Géneros: Romance; Drama
Avisos: Linguagem imprópria


Última edição por mariana' em Sex 22 Jun - 19:17, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mariana
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1757
Disposta a ser BetaReader? : Não
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 21/02/2011
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 16:12

Está linda a apresentação no entanto faltam-te uns itens MUITO importantes.
Género, avisos ( se houver) e a sinopse é o quê? É esse trecho em inglês? Very Happy

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://if-was-a-movie.tumblr.com
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 19:08

Mariana escreveu:
Está linda a apresentação no entanto faltam-te uns itens MUITO importantes.
Género, avisos ( se houver) e a sinopse é o quê? É esse trecho em inglês? Very Happy

Concordo, mas cativou-me.
Quero saber mais*-*

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 19:13

Obrigado às duas (:
Eu é que não tenho jeito nenhum para fazer sinopses, digamos que a parte em inglês é um pouquinho a sinopse...
Vou já editar o post, para meter o género e essas coisinhas todas :b
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 21:31

Spoiler:
 


Capitulo 1

Lá por Londres ser uma cidade muito bonita não quer dizer que a sua beleza diminua a minha tristeza, o meu arrependimento, a minha vontade se desaparecer para sempre. Se pudesse voltar atrás no tempo faria tudo diferente! Cometi um erro imperdoável e não dá para concertar o que fiz. Quando sobe da notícia, foi como se o meu mundo tivesse caído aos meus pés. Ele morreu e, agora não há nada que eu possa fazer para o trazer de volta. Mudei drasticamente a vida das cinco melhores pessoas que conheci em toda a minha vida, um deles morreu, os outros quatros sentem-se perdidos, e eu, eu não sei o que mais deva fazer. Será que deva morrer? Mas tenho a certeza que ele queria que vivesse por ele. Ou será que não queria? Gosto de pensar que sim, que ele queria. Sei que uma parte dele está vida em mim, no meu pensamento. Todos os dias penso nele, no seu sorriso maravilhoso, no brilhozinho que ele tinha nos olhos e na maneira que ele se ria.

Aquelas cinco pessoas, o Harry, o Louis, o Niall, o Liam e o Zayn, mudaram a minha vida!

O Harry, meu irmão, tem uma estranha mania que eu odeio! Ele anda nu pela casa, sempre que quer, e não se importa que eu esteja ou não em casa. Por outro lado ele é muito amável, sempre que preciso de ajuda ele é o primeiro a aparecer. Quando ele decidiu que queria sair de casa dos pais, aproveitei e fui com ele. Agora moramos numa casa na periferia da cidade. Tem uns olhos verdes lindos que invejo desde sempre, os seus cabelos são despenteados por natureza e parece que têm vida própria.

O Louis mora lá em casa connosco. Ele é a pessoa mais engraçada que eu conheço! É como se fosse um irmão para mim. As pessoas pensam que ele e o Harry são gays, mas posso garantir que não o são! Quando o Harry me disse que ele ia morar lá para casa, não achei muito boa ideia, mas no final tornou-se algo bom. Não consigo habitar cá em casa sem ele, torna-se tudo demasiado silencioso. Tem olhos cinzentos azulados, reparei há pouco tempo que mudam de cor com a luz solar.

O Niall é o meu melhor amigo desde que me lembro. Andámos os dois juntos na escola desde sempre e continuamos amigos. O único defeito que ele tem é que me trocava por comida a qualquer momento. Sem exageros! Ele tem uma obsessão por comida, se saltar uma refeição parece que fica possuído, e, quando come, é capaz de limpar uma despensa inteira! Mas por outro lado eu adoro-o, e, nunca o trocaria. Ele é o irlandês mais fofo que conheço (não é que conheça muitos), tem uns olhos lindos e um cabelo loiro que mete inveja a todos. Para terminar, ele tem um sotaque muito querido.

Por fim o Liam e o Zayn. Eles os dois viraram a minha vida do avesso. Conheci-os no mesmo dia, e ambos se relevaram ótimas pessoas. O Liam é muito inteligente, e é lindo de morrer. Tem uns caracóis perfeitos e um brilho natural nos olhos. Tem uma estranha paixão por tartarugas. O Zayn, o Zayn é o Zayn. Quando o conheci melhor duvidava que ele pudesse gostar de alguém, mais do que a si próprio! Mas no final, ele revelou quem realmente era, um romântico incurável. É alto, tem uns olhos capazes de matar quem olha diretamente para eles e sinceramente, não sei como ele consegue ter o cabelo sempre numa perfeição.

Continuo a pensar no que seria da vida de nós todos se não tivesse acontecido o que aconteceu. Será que aquilo que ele me disse no final era verdade? Será?

Se o arrependimento matasse, já estaria morta! Sei que a culpa foi minha, apesar dos rapazes me lembrarem todos os dias o contrário, eu não tenho culpa. Mas eu sei que sim, nada fará mudar a minha opinião.

Agora devem-se estar a perguntar onde isto tudo começou?

Bem tudo começou no dia em que os conheci...

Continua ...

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 21:42

Oh gostei muito.
Fiquei ainda mais curiosa com o que vem a seguir por isso posta o mais rápido que puderes...
Adorei as descrições dos rapazes, estão mesmo bem realizadas. Eu adoro-os *-*
E a rapariga bem, pelo que vi acho que vou gostar dela.

Entretanto vou deixar passar esse double post depois edita sim?

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 21:47

Obrigado, a sério *-*
Já tenho alguns capitulos prontos, mas ainda os tenho de melhorar...
Também os adoro :3
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
'abby♥
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 96
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 26/02/2011
Idade : 21
Localização : paradise

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 21:49

Gostei muito ♥ e como já te disse adorei a maneira como os descreves-te e o modo como escreves.
Quero que continues postando (;
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 22 Jun - 21:51

Obrigado abby *-*
Claro :b
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sab 23 Jun - 12:44

De nada querida.
Faz isso e depois publica sim? Smile

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sab 23 Jun - 13:56

Capitulo 2

- London acorda! – Dizia-me o Harry enquanto me abanava suavemente.

Sim, este é o meu nome. Não sei onde os meus pais foram buscar a ideia de me chamarem de “Londres”. Quando tinha uns doze anos perguntei-lhes, disseram-me que foi por morarmos em Londres. Pensei que houvesse um motivo especial para me darem aquele nome, mas afinal...
Espreguicei-me sem abrir os olhos e virei-me para encarar o meu irmão.

- Bom dia... – Comecei a abrir os olhos muito lentamente por causa da luz que entrava pela janela. – HARRY!

O que estou a ver acabou de entrar para a minha lista das coisas que não quero ver mal acorde! Acordar, olhar para o lado e encontrar o meu irmão nu não é muito agradável, juro que não. Escondi a cabeça debaixo dos lençóis, pedi que saísse e que se vestisse.

- Desculpa... - Disse enquanto saía do meu quarto. Ele ia a comer alguma coisa mas não prestei muita atenção ao quê.

Levantei-me e fui em direção à cozinha. O Louis estava sentado no balcão a tomar o pequeno-almoço. Fui até ele, dei-lhe um beijo na bochecha e desejei-lhe um bom-dia. Abri o armário para tirar os meus cereais mas não os encontrei.

- Os meus cereais Louie? – É o meu nome carinhoso para ele.

- O Niall está cá... - Não precisou de falar mais.

Peguei num iogurte, e numa torrada que o Louis tinha feito. Depois de comer fui fazer a minha higiene matinal, pelo caminho encontrei o Niall e cumprimentei-o. Depois dei uma pequena arrumação ao meu quarto e vesti-me. [http://data.whicdn.com/images/31003888/awesome-bag-beautiful-clothes-cool-Favim.com-449218_large.jpg]
Hoje é o primeiro dia de aulas do terceiro período.

- London, vamos chegar atrasados! – Gritou o Niall do jardim.

- Estou a ir!

Peguei nos meus livros e saí a correr. Entrei para o carro do Louis e fomos em direção à escola. Durante a curta viagem conversámos sobre assuntos disparatados. O “nosso motorista” deixou-nos à porta da escola e foi estacionar.

- Vens? – Perguntou-me o Harry.

- Não, vou esperar pelo Louie.

- Até já... - Disse o Niall.

Viraram costas e foram embora. Enquanto esperava falei a umas quantas pessoas que conhecia e revi mentalmente as aulas que ia ter hoje. Avistei o Louis e chamei-o. Rodeou-me os ombros com um braço e fomos ter com o meu irmão e com o Niall, de certeza que estavam ao pé do bar.

- Já estás a comer outra vez?

O Niall já estava a comer outra vez. Depois de ter comido o resto dos meus cereais, que por sinal era mais de metade da caixa!

- Que foi? Tenho fome!

Nem respondi, mais vale deixá-lo comer à vontade. Pouco depois deu o sinal de entrada, ia ter aula de inglês com o meu irmão. Fomos para a sala, e, como sempre, sentámo-nos juntos na última mesa ao lado da janela. Quando faltavam menos de dez minutos para a aula acabar uma funcionária veio-me chamar para ir à direção.

- Desculpa ter interrompido a sua aula, mas hoje chegam dois alunos. Já sabe o que tem de fazer.

- Sim diretora.

Pedi licença para sair. Levantei-me e saí, fechando a porta atrás de mim. Sentei-me num banco no corredor à espera que me viessem chamar novamente. Faço parte do comitê de boas-vindas, por isso, quando chegam alunos novos tenho de lhes mostrar a escola. Pouco depois deu o sinal de saída e o Niall sentou-se ao meu lado.

- Então?

- Estou à espera de dois alunos novos.

Nos minutos seguintes combinámos que esta noite iriamos ao Nando’s jantar. Lembrei-me de quando, uma vez quando eramos mais novos comemos durante uma semana inteira lá no restaurante, todas as refeições! Fiquei enjoada de frango durante um mês...
A diretora chamou-me para me apresentar um dos novos alunos. Despedi-me do Niall e entrei para a sala, preferi ficar de pé, já iria-mos sair.

- London é o Liam. Liam é a London.

Cumprimentei o Liam e pedi-lhe que viesse comigo. Quando olhei bem para ele, fiquei admirada com a sua beleza. Tinha uns olhos maravilhosos, e toda a gente sabe que adoro cabelo encaracolado, por isso é que passo a vida a mexer no cabelo do meu irmão. Enquanto percorríamos o corredor até ao bar meti conversa com ele.

- Então, mudaste-te para aqui ou já cá vivias?

- Mudei-me, os meus pais foram transferidos para aqui com mais um mar de pessoas. Um amigo meu
também se inscreveu aqui na escola, mas só vem à tarde.

- Ah, a diretora disse-me que vinham dois alunos novos, mas não me disse que se conheciam.

- Conheço-o desde que me lembro, é o Zayn.

- Também conheço o meu melhor amigo desde que me lembro. Ele é Irlandês. E está além no canto a comer.

Nesse momento já estávamos dentro do bar, encaminhei-me até ao meu grupinho.

- Liam, é o Niall, o meu melhor amigo. O Harry o meu irmão e o Louis, meu irmão emprestado.

- Emprestado? – Perguntou-me.

- Ele mora lá em casa comigo e com o Harry, é como se fosse meu irmão.

Depois de ficarmos um bocado à conversa, mostrei-lhe o resto da escola e onde se situava o cacifo dele.

- Onde vais ter aula? Posso-te levar até lá para não te perderes. – Disse-lhe.

- Biologia na sala 47.

- Estás na minha turma! – E sorri-lhe.

Ele sorriu-me de volta e fomos para a sala, sentou-se ao pé de mim e conversámos até ao professor chegar. Pude notar que ele é envergonhado, mas é muito simpático.

***

- London tenho de ir. O Zayn está lá fora à minha espera. – Disse o Liam, enquanto se levantava da mesa onde almoçava-mos. – Até já.

- Espera, vou contigo, vou levá-lo à diretora, para poder despachar a visita à escola.

Levantei-me e fomos até à entrada da escola. O Liam aproximou-se de um rapaz alto, com um penteado fora do normal e um sorriso divinal. Mas porque é que eles têm de ser todos tão lindos?

- É a London.- Disse o Liam e apontou para mim.

O Zayn veio-me cumprimentar com um beijo na cara. É menos envergonhado que o Liam, já consegui perceber.

- Olá. – E sorri-lhe.

Ele retribui-me o sorriso.

- Vou-te levar à direção para tratares dos papeis, para depois te mostrar a escola.

No caminho até ao gabinete da diretora íamos conversando de coisas banais. Até que o Zayn decidiu fazer uma pergunta idiota.

- Então Liam, já andas a tentar a tua sorte com a London?

Olhei para ele, com uma expressão que nem eu sabia que conseguia fazer. O Liam esticou o braço por de trás de mim e empurrou o Zayn. Foi contra uma rapariga e fê-la cair. Enquanto ele a ajudava a levantar fui andando com o Liam, não conseguíamos parar de rir. O riso dele é contagiante!

- Não ligues ele é assim. Ele sabe que sou tímido, e depois faz isto...

-Deixa lá. Um dia destes eu vingo-me... – E comecei a engenhar um plano para o envergonhar.

O Zayn alcançou-nos rapidamente. Depois de o levar à diretora mostrei-lhe a escola. De seguida fomos ter com o Harry. Deu o sinal de entrada e cada um foi para a sua aula. Não me cruzei mais o Liam, nem o Zayn. No final das aulas eu, o Harry e o Louis fomos para casa. Fui para o meu quarto e deitei-me na cama a ler.

Às sete e meia entrámos no Nando’s, escolhemos a mesa de sempre. Sentámo-nos, pedi-mos o de sempre. Basicamente uma noite normal, no restaurante de sempre, com a comida de sempre, e, com as pessoas de sempre.

Continua


Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mariana
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1757
Disposta a ser BetaReader? : Não
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 21/02/2011
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sab 23 Jun - 21:17

Não tenho palavras xD
Adorei Smile

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://if-was-a-movie.tumblr.com
'abby♥
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 96
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 26/02/2011
Idade : 21
Localização : paradise

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Dom 24 Jun - 22:22

Como sempre, e como em todas as outras tuas fics gostei bastante, consegues captar a atenção em cada capítulo e sabes exatamente onde parar, para nos 'obrigares' a ler o próximo capítulo.
Btw, continua postando o link das roupas, como disses-te "dá para imaginar melhor a cena". Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mariana
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1757
Disposta a ser BetaReader? : Não
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 21/02/2011
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 25 Jun - 0:42

sim, esqueci-me de ler o spoiler u.u desculpa xD
Mas eu gosto quando mostram a roupa também ^^

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://if-was-a-movie.tumblr.com

escritores
escritores
avatar

Mensagens : 31
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 02/05/2012
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 25 Jun - 12:56

Gosto bastante da tua escrita, descreves os detalhes de forma delicada e simples o que acaba por ser bom Smile
O Zayn é um rapaz bem oposto ao Liam ao que parece.
Estou bastante curiosa para saber como é que eles se vão dar todos, principalmente o Zayn e a London, já que ela referiu que ele se revelou uma pessoa um pouco diferente daquilo que ela estava à espera quando o conheceu.
Quanto ao pormenor de mostrares ou não a roupa da London, eu acho que o deverias fazer, é sempre bom.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 25 Jun - 14:29

Ai, eu babo-me toda aqui a ler os vossos comentários *-*
Obrigado meninas! Very Happy
*******


Capitulo 3

No dia seguinte acordei, sem o meu irmão nu no meu quarto, agradeci mentalmente a Deus por isso! Tomei o pequeno-almoço com os meus dois companheiros de casa, tomei um duche rápido e vesti-me.
[http://data.whicdn.com/images/31075122/tumblr_m60kvjJNEQ1rxg6n5o1_400_large.jpg]
Quando chegámos à escola o Liam e o Zayn estavam junto ao portão de entrada. Caminhei até eles, depois de informar o Harry que já iria ter com ele.

- Bom-dia. – Cumprimentei-os.

- Bom-dia - Disse o Zayn, e deu-me um beijo na face. O Liam seguiu-lhe o exemplo.

- Então, estavam-me a fazer uma espera ou quê? – E ri-me. Comecei a caminhar em direção ao bar, onde supostamente estará o meu irmão, o meu melhor amigo, e, o Louie.

- Por acaso estávamos. – Disse o Zayn.

- Ah sim?

- Sim, estamos a planear raptar-te. – Disse o Liam.

- E, depois de morta íamos dar-te como comida às tartarugas do Liam.

Parei de caminhar e fiquei a olhar para eles. Eles os dois devem sofrer de alguma doença rara, é a única explicação plausível!

- Estamos a brincar! – Disseram em coro.

Ri-me das caras deles e agarrei-me ao braço de cada um. Quando chegámos ao bar procurei o Harry. Encontrei-o numa mesa no fundo com o Louis e com o Niall.

- Voltei. – Disse.

Os rapazes cumprimentaram-se e após alguns minutos de conversa o Harry teve uma ideia estúpida.

- E se vocês fossem lá a casa almoçar? Como só temos aulas até ao 12h.45m.

- Não há nada feito... – Disse eu. Na verdade era uma desculpa. Não queria que eles fossem lá a casa, não
sei bem porquê mas ainda não me sinto totalmente confortável na companhia deles.

- Fazes! – Disse-me o meu irmão com cara de desprezo.

- HAROLD!

- Quem? – Disse o Liam.

- O meu irmão, ele chama-se Harold, mas nós chamamo-lo de Harry.

- Isso não era para se dizer London! – Disse o meu irmão, que ficou instantaneamente amuado.

O Louis agarrou na cabeça do Harry e meteu-a sobre o seu ombro enquanto dizia “Vá meu amor, podes chorar agora, a mamã está aqui contigo”. O Harry, com o seu maravilhoso humor matinal, deu um soco no sítio (vocês sabem onde) do pobre do Louis.

-Merda Harry! – Sussurrou o Louis.

- Não se assustem! – Disse o Nial dirigindo-se para o Liam e para o Zayn. – Cenas como estas acontecem regularmente. – Depois de pensar um momento, acabou por concluir. – Podíamos ir ao Nando’s como fizemos ontem!

- Não! – Disse eu como se o mundo estivesse a minutos de acabar. – Tu queres que eu enjoe frango
como daquela vez?

O Niall olhou para os pés desapontado. Eu bem sei que ele ama aquele restaurante, mas não podemos ir lá todos os dias. Para além de que passado algum tempo, enjoo o frango, há ainda o facto de que eu iria à falência num abrir e fechar de olhos!

- Não fiques assim meu duendezinho! – E sentei-me no colo dele. – Sempre posso ir lá buscar uma dose para ti.

Ele sorriu-me todo feliz. Podia não ter dinheiro nenhum, mas nunca deixaria o meu melhor amigo passar fome, nem que fosse para a rua pedir! Só para o ver sorrir...
Depois de dar o sinal de entrada, dispersa-mos todos. Durante a aula não pude deixar de pensar no facto de que o Harry vai ficar amuado comigo durante algum tempo. Ele odeia que revelem o seu verdadeiro nome.
No final das aulas decidi ir a pé até ao Nando’s para comprar uma dose de frango para o Niall. Os rapazes já devem estar em casa, sentados sem fazer nada, à espera que eu faça o almoço. Uma vez pedi ao Harry para fazer o jantar, acabámos por comer cereais. Enquanto caminhava pensei na minha mãe, já não a vejo há algum tempo, tenho saudades. Vou propor ao Harry que um dia destes lhe façamos um supressa, aparecemos lá em casa sem avisar. Sorri com a ideia.

***

Abri a porta, logo fechando-a atrás de mim. Fui em direção à cozinha passando pela sala, onde estavam os rapazes. Já tinha a mesa posta. Nunca ninguém lá de casa se teria lembrado de arranjar a mesa para almoçarmos.

- Quem foi o querido que se lembrou de meter a mesa? – Disse em tom de felicidade assim que voltei à
sala.

- O Liam teve a ideia, depois todos ajudámos. – Disse o Louis sem desviar o olhar da televisão.

Mais uma característica para juntar às virtudes do Liam. Pronto a ajudar. Custa-me admitir, pelo facto de o ter conhecido há tão pouco tempo, mas, acho que começo a gostar dele. Ele é tão, eu sei lá, ele é tão tudo!
Desviei os meus pensamentos para o almoço que tinha de preparar. Não precisei de pensar muito no que iria fazer. Tacos. Já não os fazia há algum tempo, e, é a comida favorita do Harry. Preparei um com extra cenoura para o Louis, eu sei que ele ama cenoura, e, chamei-os para virem comer. Servi os tacos, o frango para o Niall, coloquei o sumo na mesa e sentei-me a comer juntamente com eles. No final todos ajudaram a levantar os pratos.

- Obrigado pelos tacos, maninha! – Disse o Harry enquanto me dava um beijo na testa.

- Ainda bem que gostaste. – Disse sorrindo-lhe. – Já não estás arreliado comigo?

- Achas que consigo ficar chateado contigo durante muito tempo?

Abracei-me a ele e apertei-o com muita força. Nos braços do meu irmão sinto-me segura, ele transmite-me qualquer coisa que me relaxa. É como se o amor dele passa-se pelos seus braços e entrasse em mim.

- Anda... – Disse esticando-me o braço.

Saímos pela porta traseira sem que ninguém desse por nós. Contornámos a casa e continuámos a caminhar em direção à cidade. Eu apenas me limitava a seguir o Harry. Já estávamos a caminhar há um bocado quando o meu telemóvel, que é a única coisa que trago comigo, tocou. Era um número desconhecido, decidi atender na mesma.

- Sim?

- London? – Alguém perguntou. Aquela voz era-me tão familiar.

- Sim.

- É o Liam!

- Ah Liam, desculpa como era um número desconhecido nem coloquei a hipótese de ser o teu.

- Não faz mal, eu compreendo. Estou só a ligar porque desapareceste.

“Com o Harry!”. Consegui ouvir o Louis a falar, ainda deviam estar todos juntos.

- Vim dar um passeio a pé com o Harry, não sei quando voltamos a casa.

- Desde que voltes...

Sorri com aquelas palavras. Ele é tão amável. Tudo o que ele diz é como se fosse uma melodia para os meus ouvidos. Sei que parece lamechas e assim, mas é o que sinto.

- Dou-te a certeza que volto. Podes ficar aí com os rapazes o tempo que quiseres.

- Ainda bem.

- Então, até já. – Disse.

- Até já London.

E desliguei o telemóvel. Arrumei-o no bolso e continuei a caminhar ao lado do meu irmão.

- E esse sorriso, hã? Quem era? – Às vezes o Harry pode ser muito cusco.

- Era o Liam, e não foi nada um sorrisinho. – Disse embaraçada. – Mudando de assunto falta muito para
chegarmos?

- Quando chegarmos eu aviso.

Caminhámos durante mais alguns minutos, até que parámos à frente de uma pequena mercearia onde costumávamos comprar doces quando eramos meras crianças. Ele disse-me para esperar cá fora, que não demoraria nada. Sentei-me naquele belo banco de madeira que sempre esteve naquela pequena entrada por baixo do toldo que todos os dias o dono da mercearia esticava caso chovesse. Era um homem na casa dos setenta anos de idade, muito simpático e com um bigode farfalhudo, ao qual sempre achei uma certa piada. Esperei cerca de cinco minutos, até ao Harry aparecer. Sentou-se ao meu lado e colocou nas minhas mãos uma caixa de jujyfruits. No preciso momento em que olhei para a caixa tive um flashback.

Eu devia ter cerca de oito anos e o Harry devia ter cerca de nove anos. Entrámos naquela mercearia pela primeira vez. Um senhor que se encontrava por de trás de um balcão cumprimentou-nos e sorriu-nos, tinha um bigode engraçado! Percorremos os corredores à procura dos tais biscoitos que o Harry tanto queria comer. No corredor do fundo houve uma caixa que sobressaía no meio das tantas outras caixas que se encontravam numa prateleira à qual eu não conseguia chegar. “Jujyfruits” era o que dizia no meio da caixa em letras coloridas.

- Mano, compra. – Disse eu na esperança que ele me comprasse aquilo que eu tanto queria
experimentar.

Ele tirou as moedas do bolso e começou a conta-las.

- Mas se eu comprar aquilo fico sem dinheiro para os meus biscoitos.

Olhei desapontada para os meus pés e fui andando até à entrada, saí da pequena mercearia e sentei-me no banco de madeira que havia logo ao lado da porta. Esperei pacientemente pelo meu irmão, enquanto me divertia a abanar os pés para a frente e para trás. Quando o meu irmão saiu, sentou-se ao meu lado e colocou-me uma caixa no colo. Olhei e era a caixa que lhe tinha pedido à uns momentos a trás. Rebentei de alegria e abracei-o. Passámos a tarde toda a comer aqueles doces, que com o passar dos anos se tornaram as minhas guloseimas prediletas.

- Lembras-te daquele dia em que te comprei isso pela primeira vez? – Disse ele sorrindo-me.

- Lembro. – Respondi. Abri a caixa cuidadosamente, peguei numas quantas daquelas gomas coloridas e
despejei-as na mão dele. Encostei a minha cabeça no ombro dele, tirei uma goma que levei em direção à boa, e por fim disse. – Obrigado.

Continua

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário

escritores
escritores
avatar

Mensagens : 31
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 02/05/2012
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 25 Jun - 20:23

O Liam e o Zayn têm um grande sentido de humor, está visto.
Ficou logo todo preocupado o Liam, ahahah Razz
Oh, a relação da London e do irmão parece super amorosa, tirando o pormenor dele gostar de andar nu pela casa mesmo com ela lá, mas isso não deixa de ser algo engraçado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 25 Jun - 20:40

Bem desculpa não ter comentado o outro capitulo.
Mas pronto só quero que saibas que gosto muito da tua escrita, é leve *-*
Adoro o Zayn e o Liam, são mesmo uns fofos eles. O facto de o Harry andar nu pela casa é muito interessante Wink
E o Niall e o Louis são bem... Eles Wink
Ela tem uma relação com o irmão que ai meu deus, adoro-a!
Posta mais sim? Smile

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Qua 27 Jun - 12:50

Obrigado pelos vossos comentários Very Happy

Capitulo 4

Propus a ideia de irmos visitar a nossa mãe e o meu irmão concordou. Tivemos de atravessar a cidade toda, a pé, até chegarmos à nossa antiga casa. Quando observei a fachada da casa, as saudades de ali viver apareceram. Percorremos o caminho até à entrada principal, observando o jardim que nada mudara naqueles últimos anos. Toquei à campainha e esperámos que a porta fosse aberta. Ouvimos passos do lado de dentro da casa, e, logo de seguida a nossa mãe abriu a porta. Mal nos viu abraço-nos e puxou-nos para dentro de casa, enquanto nos dizia quantas saudades tinha de nós os dois. Sentámo-nos na sala, que outrora tinha sido o meu local de brincadeiras com o Harry. Lembrei-me de quando montámos ali um acampamento índio, com lençóis pendurados de tudo o que era móveis. O dia de hoje estava repleto de recordações dos tempos felizes de quando era uma inocente criança. De quando a minha única preocupação era saber a que horas passavam os meus desenhos animados preferidos, na televisão. Depois de uma longa conversa, a mãe convidou-nos para lanchar lá em casa, aceitámos claro. Nada melhor do que a comida confecionada pela nossa mãe. Antes de me sentar lavei as mãos e ajudei a minha mãe a colocar tudo na mesa.

- Harold, já te disse que tens de lavar as mãos antes de comer! Não mudas-te nada filho. – Disse a minha mãe enquanto acabava de preparar o chá que cheirava maravilhosamente bem.

- Harry, mãe! – Respondeu-lhe enquanto se levantava.

A mãe nem respondeu, já estava habituada a cenas assim, mas ela nunca chamará o meu irmão de “Harry” será sempre de “Harold”. Depois de lavar as mãos voltou a sentar-se no seu respetivo lugar, ao meu lado. Estes sempre foram os nossos lugares, desde pequenos, e sempre o serão. A nossa mãe serviu o chá e sentou-se junto a nós. Cortei uma fatia de bolo para mim e para o Harry e bebi um gole de chá. Como sempre estava tudo uma delícia. Após alguns momentos de conversa enquanto ajudávamos a arrumar a cozinha o Harry disse:

- Bem, vamos indo. Obrigado pelo lanche mãe.

Despedimo-nos da nossa mãe à entrada da porta e prometemos visitá-la um dia destes.

- Não querem que vos dê uma boleia? – Perguntou-nos.

- Não mãe, mas obrigado. – Respondi educadamente.

-A London está a ficar gorda, não vês? Têm de andar! – Disse o Harry em tom de brincadeira.

- Harold! – Disse enquanto lhe dei um empurrão.

A nossa mãe riu-se e ficou a ver-nos caminhar até que dobrámos a esquina, indo assim em direção a casa. Foi uma tarde de Sexta-feira bem passada, na companhia de pessoas excelentes.

***

Entrámos por onde saímos, ou seja, pelas traseiras. Já tinha começado a escurecer e foi difícil desviar-me dos objetos espalhados pelo pátio traseiro. Entrei, seguida pelo Harry, que ao fechar a porta a trancou. Fui em direção à sala onde estariam os rapazes. O Louis estava sentado no sofá individual, e o Liam estava no único sofá que continha quatro lugares. Estavam ambos concentrados a ver um filme de ação que passava na televisão. Deitei-me no sofá onde estava o Liam.

- Demoras-te uma eternidade. – Disse-me.

- Fomos a casa da nossa mãe e ainda fica longe. Desculpa. – Disse com sinceridade, tinha-lhe dito para esperar, e demorei uma tarde inteira.

- Não tem importância. Já chegas-te. – E sorriu-me. – Anda cá. – Pediu ele. E fez um gesto sobre a perna dele. Interpretei-o como se me pedisse para me deitar sobre as suas pernas.

Cheguei-me lentamente para cima e fiz o que me pediu. Sinto que as minhas pernas pesam toneladas. Estou estafada! Se der mais um passo, penso que posso cair para o lado. Sinto-me estranha, assim, deitada no colo do Liam, mas por outro lado sinto-me bem.

- Então os outros? – Perguntei.

- O Niall foi para casa que a mãe ligou-lhe. O Zayn foi-se embora com o Niall. Disse que ia para casa que tinha de resolver umas coisas. – Disse o Louis.

Sem avisar, o Liam começou a afagar-me o cabelo. Não sabia se me havia de levantar e correr para longe, ou de havia de ficar ali no conforto do colo dele. Mas como já tinha pensado, se der um passo cairei para o lado.

- Se continuares assim, ainda adormeço aqui. – Confessei. Ri-me pelo nariz e esperei uma resposta. Mas não a obtive. Ao invés, continuou a afagar-me os meus longos cabelos que caíam em cascata para as suas pernas.

Tentei concentrar-me no filme, mas o meu cansaço não deixou. Cada vez que o Liam me mexia no cabelo só contribuía para que os meus olhos se fechassem um pouco mais. Entretanto no filme uma senhora idosa chorava a morte do seu filho. Penso que ele faleceu a combater no exército.
Por fim o sono apertou tanto que fechei os olhos e adormeci.

- London. – Ouvi o Louis a chamar-me.

- Louie? – Perguntei, enquanto abria vagarosamente os olhos.

- Anda, já é tarde. Tens de te deitar.

- Que horas são?

- São quase três da manhã. O Harry já foi dormir, e, não te vou deixar aqui a dormir no sofá.

“Dormir no sofá”, foi como um clique para mim. Á umas horas atrás tinha adormecido no colo do Liam. Senti uma vergonha tremenda. Levantei-me, e tentei ir até às escadas, mas cambaleei pelo caminho. O Louis agarrou-me, pegou-me ao colo e começou a subir as escadas.

- O Liam? – Perguntei.

- Foi para casa antes de jantarmos.

Não respondi. Não havia nada para responder.

- Sabes, - começou ele. – Eu acho, que ele gosta de ti. Já reparas-te na maneira como ele te olha?

- És um tonto, Louie. – Foi a única coisa que consegui dizer.

É óbvio que ele não gosta de mim, conhecemo-nos há tão pouco tempo. O Louis tem é uma imaginação
fértil. Ele olha para mim da maneira como o meu irmão olha para mim, como o Niall olha para mim.
O Louis abriu a porta do meu quarto poisou-me em cima da cama e foi-me buscar um cobertor. De seguida tapou-me, deu-me um beijo na testa e desejou-me uma boa noite.

- Dorme bem Louie. – Disse antes de ele sair e fechar a porta.

Continua
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
'abby♥
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 96
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 26/02/2011
Idade : 21
Localização : paradise

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Qui 28 Jun - 14:43

Loved it ♥
Acabas sempre na melhor parte, mas coisa -.-'
CONTINUA!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Qui 28 Jun - 15:44

Gostei muito do capitulo sweetie.
A relação deles com a mãe também é outra coisa fofa.
E bem o Liam está completamente caidinho por ela. É que se nota mesmo.
Quero mais sim? Very Happy

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt

escritores
escritores
avatar

Mensagens : 31
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 02/05/2012
Idade : 23

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Qui 28 Jun - 16:22

Parece que esta família dá-se toda muito bem, que bom.
Bem, costuma dizer-se que mais cego do que aquele que vê, é aquele que não quer ver, só pode ser esse o caso da London já que não quer acreditar que o Liam gosta dela o que é bem visível.
Vamos lá ver no que é que isto vai dar Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Mariana
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 1757
Disposta a ser BetaReader? : Não
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 21/02/2011
Idade : 20

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Sex 29 Jun - 21:03

TINHAS LOGO QUE ACABAR AQUI :C
És má! muito muito muito má Very Happy
Estou a adorar *O*
Quero mais.

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://if-was-a-movie.tumblr.com
mariana'
escritores
escritores
avatar

Mensagens : 194
O que pretendes ser? : leitor(a)
Data de inscrição : 25/07/2011
Idade : 21
Localização : Somewhere

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Seg 2 Jul - 13:21

Peço desculpa pelo atraso meninas :c
Mas, mais uma vez, obrigado pelos comentário *-*

Capitulo 5

Os dias foram passando mais depressa que o habitual, também era de esperar, estou sempre ocupada. Se não é a fazer trabalhos da escola ou a estudar, é a tratar da arrumação da casa. O que me dá mais trabalho é o quarto dos rapazes, se fosse por eles vivíamos numa espécie de pocilga! Quando, ao fim de semana, entro no quarto deles para recolher a roupa suja ou dar uma breve arrumação, dá-me um breve ataque cardíaco. É roupa espalhada pelo chão, cama por fazer, papeis desorganizados e amontoados, enfim, rapazes.

Por outro lado, a minha relação, de amizade, com o Liam tem evoluído bastante. Não há nada que ele não saiba sobre mim e vice-versa. Tirando o facto de que talvez goste dele. Quando o vejo, as minhas pernas perdem a sua força e parece que o mundo deixa de girar por momentos. Ele é extremamente amoroso, e quando fala comigo escolhe as palavras certas, o que me faz sempre sorrir.

Mas, o Zayn é um caso mais complicado. Por mais que tente fazer uma amizade sólida com ele, não consigo. Ultimamente tem-se afastado de mim como se eu tivesse cometido um erro gravíssimo. Já perguntei ao Liam a razão, talvez se passasse algo, um motivo para este súbito afastamento, mas ele acabou por me dizer que não sabia de nada. Eles são os melhores amigos, por isso acho que, se algo se passasse o Liam saberia. Hoje de manhã quando acordei tomei uma decisão. Vou falar com ele e perguntar o que aconteceu, não passa do dia de hoje.

***

- Hoje a diretora tem um comunicado. Por isso peço que façam silêncio até ao comunicado acabar! – Pediu-nos a professora.

Ouviam-se uns murmúrios, mas nada muito ruidoso. Enquanto esperava comecei a desenhar na última página do caderno, atividade que faço regularmente nas aulas. «Quero informar os alunos desta escola que as inscrições para o concurso de talentos estão abertas. Quero também lembrar que tal se realizará na última semana de aulas. Obrigado.» De certeza que as raparigas da claque se iriam inscrever. Pensei em quem mais o faria. Alguém do clube de teatro, de certeza. Talvez alguém da equipa de futebol, e, aquele rapaz que vai lá tocar violino todos os anos, sim, ele de certeza que iria. Depois pensei na possibilidade de me inscrever. Ri-me mentalmente. Impossível! Depois pensei no talento dos rapazes. O Niall tem um talento natural para comer. O Louis é talentoso na arte de irritar. O Harry até que nem canta muito mal, já o apanhei a cantar durante o duche. O Liam tem o talento de ser fofo e lindo, e, o Zayn, o Zayn é sexy e pronto. Depois de pensar bem conclui que eram uns talentos bem estranhos.
No final das aulas comentei o tema do concurso de talentos com o Louis, ambos nos rimos só de nos imaginarmos a atuar à frente de centenas de pessoas. Eu ficaria petrificada, enquanto o Louis para disfarçar o nervosismo se poria a falar demasiado alto e a rir em demasia.

Ocupei a tarde a acabar um trabalho da escola e a ver um filme com o meu irmão. Um filme que passava na televisão na hora em que eu a liguei.
Depois de jantar fui tomar um duche. Liguei a água quente e assim que atingiu a temperatura que desejava meti-me de baixo do chuveiro. Sentir a água quente a escorrer-me pela pele transmitiu-me uma sensação relaxante. Fechei os olhos por momentos e deixei que a água caísse no meu rosto. No final de seca, vesti-me.http://data.whicdn.com/images/31654933/tumblr_m6fvvgTCUG1ry5eh6o1_500_large.jpg
Hoje íamos a um bar, era noite de karaoke. Não vamos com ideias de participar mas sim, ver os outros a participar. Com sorte ainda nos vamos rir muito esta noite. Fomos no carro do meu irmão. Costumamos andar mais no carro do Louis, mas hoje decidimos ir no do Harry.

Há entrada encontrámo-nos com o Liam, o Niall e o Zayn. Entrámos, escolhemos uma mesa e mandámos vir algumas bebidas. O Niall pede sempre cerveja, acho que lhe está no sangue. Por volta das dez e meia começou o karaoke. Subiram ao palco duas raparigas, nem cantavam muito mal. Depois subiu um grupo de rapazes totalmente bêbedos. Fartámo-nos de rir com eles, eram simplesmente hilariantes!

- Hey Zayn! Vai lá cantar, eu sei que queres.- Disse o Liam.

Ele empurrou-o e riram-se.

- Já volto. – Informei-os e fui à casa de banho.

Quando voltei um foco incidiu sobre mim e o dono do bar, que estava no palco, chamou-me para eu ir cantar. Acenei negativamente e fui andando até à mesa onde estávamos sentados. O homem desceu do palco, agarrou-me no braço e começou a puxar-me para o palco. Agarrei no braço do Louis e arrastei-o juntamente comigo. Quando subi ao palco, pedi ao resto dos rapazes para se juntarem a nós. O Niall subiu logo, acho que já bebeu em demasia, ele nunca subiria a um palco por livre vontade e totalmente sóbrio. O Liam mostrou uma cara apreensiva. Olhei-o nos olhos e pedi mais uma vez que subisse. Ele levantou-se e juntou-se a nós os três. O Louis gritou pelo nome do Harry e ele subiu ao palco também, penso que estaria com medo que o Louis começasse a fazer figuras infelizes. Faltava o Zayn. Chamei-o e ele negou, o Liam chamou-o e ele continuou sentado. Desci do palco e estiquei-lhe a mão.

- Zayn, por favor. – E sorri-lhe.

Ele sorriu-me de volta, agarrou-me na mão e levantou-se. Caminhámos de mão dada até ao palco, depois tive de o largar para pegar num microfone. Agarrei-o de uma forma insegura, aliás, não me sentia confortável em palco. A música começou e logo a reconheci. “Torn” da Natalie Imbruglia. Esta melodia tem uma letra realmente verdadeira e bonita. Sorri por saber que a iria cantar, mas tenho medo que a estrague. A letra apareceu naquele ecrã minúsculo que está à nossa frente e começamos todos a cantar. Até que nem somos muito maus. Como tinha pensado esta manhã, durante a aula de Matemática, o meu irmão não canta muito mal. A voz dele consegue atingir notas altas, o que é bom nesta música. A voz do Louis é engraçada e consigo ver que ele canta com paixão e com prazer. O Niall está fora do normal, aliás, ele está a cantar agarrado a mim, mas mesmo assim, consegue soltar as notas na perfeição. A voz do Zayn é perfeita para fazer um efeito de eco. E o Liam tem uma voz maravilhosa, para além disso, vejo que está a sentir a letra da música. Quando a mim, não vale a pena avaliar-me. A minha voz é esquisita e quando canto, fica demasiado fina. No final todos nos aplaudiram. Apressei-me a descer do palco e a sentar-me no lugar que ocupava ainda há uns minutos atrás. Os rapazes sentaram-se junto a mim e estavam a comentar a nossa “atuação”.

-London, então não dizes nada? – Perguntou o Zayn. – Estives-te bastante
bem.

- Saíste-me cá um mentiroso! – Disse-lhe. Depois dirigi-me a todos. – Vocês estiveram bem. As vossas vozes juntas ficam lindas, e acho que para uma primeira vez até não ficou nada mal.

Eles todos sorriram e retomaram a conversa. Ia comentando algumas vezes, mas não me intrometi muito na conversa. Esperava por algum tema em que tivesse mais opinião pessoal, e, esperava pela hora de irmos para casa. Pedi Malibu, estava-me a apetecer beber um pouco daquela bebida estranhamente doce e com uma cor engraçada. Um rapaz veio-me entregar o copo de Malibu azul e agradeci. Bebi um gole, seguido de mais dois. Depois, do nada, lembrei-me.

- Zayn, podes chegar ali fora um bocadinho? – Perguntei.

- Claro.

Levantei-me pegando na minha bebida e dirigi-me para a rua. Passar no meio de tantas pessoas foi difícil, mas tive êxito e num instante estava a passar pelo segurança na entrada. O Zayn seguia-me em silêncio. Atravessei a estrada a correr, para chegar ao outro lado, onde havia uns bancos. Sentei-me num e poisei o copo ao meu lado. O Zayn sentou-se também e permanece-mos em silêncio. Beberiquei um pouco da bebida azul e comecei.

- Quero saber o que se passa contigo. Isto se puder saber, claro. – Disse rompendo o silêncio.

Ele esticou as pernas e voltou a encolhe-las. Olhou para os pés e depois para mim.

- Não se passa nada de mais. Só sinto falta da minha vida antes de vir para aqui.

Olhei para ele sabendo que se passava algo mais.

- Só isso?

- Sim, só isso.

- Mesmo? – Perguntei para ter a certeza.

- Não. – Disse e suspirou. – Há também o facto de eu não querer aproximar-me de ti, porque sei que o Liam gosta de ti. Não quero correr o risco de me apaixonar por ti.

Não sei o que dizer. Peguei no copo e bebi o resto como se não houvesse amanhã! O que digo agora? Se não disser nada, não me enterro, mas...

- Não sei o que dizer. – Acabei por responder.

- Não digas nada. – E fez silêncio. – Vamos voltar para dentro.

- Só não te afastes, por favor. – Pedi.

Ele levantou-se e colocou as mãos nos bolsos, abrindo um espaço entre o braço esquerdo e o tronco, para eu me agarrar. Assim o fiz, agarrei-me ao braço dele e voltámos para dentro.

Às duas e pouco da manhã levantámo-nos para irmos embora. Despedi-me de todos e dirigi-me ao carro do Harry. Dez minutos depois estávamos em casa, subi para o meu quarto, vesti um pijama confortável e deitei-me. Rapidamente adormeci, mas não deixei de pensar nas palavras que o Zayn tinha proferido antes.

Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
AnneMarie
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 896
Disposta a ser BetaReader? : Sim.
O que pretendes ser? : escritor(a)
Data de inscrição : 10/08/2011
Idade : 22
Localização : Uma terra que ninguém conhece...

MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   Ter 3 Jul - 10:56

Gostei muito do capiulo!
E eles a cantar "Torn" tipo wowww*-*
Zayn é mesmo aquela coisa sexy e que se preocupa mesmo com o amigo!
Bem continua!

____________________________________________________________________________________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://newbegining.blogs.sapo.pt
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: If we could only turn back time   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
If we could only turn back time
Voltar ao Topo 
Página 1 de 7Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Back In Black - v1
» Can't hold it back anymore 1.0
» GM/ABC - 2001
» Animes que gostaria que criassem
» [Clã]Battlefield 3 PS3

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fanfiction Portugal :: One Direction-
Ir para: